Cuidados com o coto umbilical

2 minutos para ler

Aprenda a lidar com o pedaço que sobra do cordão umbilical enquanto ele continua no bebê

No nascimento, o cordão umbilical que liga o bebê à sua mãe é pinçado e cortado pelo obstetra. Em seguida, é colocado um “clamp” (espécie de clipe) de plástico pelo pediatra. Uma pequena parte do cordão, de aproximadamente 3 cm, permanece e é chamada de coto umbilical. Inicialmente o coto tem aspecto amolecido e gelatinoso, tornando-se gradativamente escuro e seco.

A queda do coto ocorre entre o 7º e o 15º dia de vida. Em alguns casos esse prazo pode aumentar ou diminuir, sem que isso represente um problema.

O “clamp” é removido antes da alta hospitalar. Em casa, alguns cuidados são necessários com o coto umbilical:

  • A limpeza do coto deve ser realizada, preferencialmente, antes de cada troca de fralda e após o banho para evitar infecção. Essa limpeza não é dolorida, mas alguns bebês não gostam devido ao contato com o líquido frio.
  • Lave as mãos com água e sabão ou utilize gel alcoólico antes de iniciar a limpeza do coto.
  • Abra a fralda do bebê e umedeça as duas extremidades da haste flexível  com álcool a 70%. Passe a haste flexível na base do coto (entre o coto e a pele), com movimentos circulares. Utilize a quantidade necessária até que a haste flexível saia limpa. Após limpar a base, passe também a haste flexível com álcool a 70% no restante do coto umbilical.
  • Não é recomendada a utilização de faixa, gazes, curativos oclusivos ou qualquer outro produto no coto.

Na presença de vermelhidão na pele próxima ao coto, secreção ou mau cheiro, entre em contato com seu pediatra.

Posts relacionados