Influenza: principais informações

2 minutos para ler

Também conhecida como a gripe espanhola, doença surgiu há mais de 100 anos.

Por Dr. Jacyr Pasternak, infectologista do Hospital Israelita Albert Einstein / CRM SP 11 034

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_o-que-e.jpg


Influenza é uma virose respiratória causada pelos vírus Influenza A e B. Existe também o vírus da influenza C, mas ele raramente causa doença.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_sintomas.jpg

A doença é essencialmente respiratória; causa febre, tosse e dor de cabeça. A complicação mais séria é a pneumonia, seja pelo próprio vírus ou por infecção bacteriana secundária — devido à invasão de bactérias em mucosa pulmonar lesada. Nas epidemias de Influenza, crianças pequenas, obesos, mulheres grávidas e pacientes com doenças pulmonares crônicas têm casos mais graves.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_tipos.jpg

Há variações dos vírus Influenza A e Influenza B, com diferentes intensidades, além do Influenza C (que costuma ser inofensivo). Os tipos A e B do vírus causam quadros semelhantes, mas todas as epidemias são por vírus A.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_causas.jpg

A doença provavelmente veio de vírus de aves e a grande epidemia de influenza de 1918, a gripe espanhola, foi possivelmente uma passagem direta do vírus aviário aos humanos. As outras epidemias de influenza são por vírus recombinantes, aviários e suínos que depois atacam o homem.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_transmissão.jpg

O vírus é disseminado por gotículas (de secreções) e é bastante contagioso.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_diagnostico.jpg

Exames laboratoriais são utilizados para identificar a Influenza, principalmente o exame de citologia nasal.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_tratamento.jpg

Existem remédios eficientes se tomados no início do quadro, como o oseltamivir, o zemanivir e o baloxavir, mas a melhor maneira de evitar a Influenza é vacinando-se anualmente.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é doenças_blog_prevençao.jpg

A vacina administrada na rede pública leva 3 cepas de vírus, duas de A e uma de B. Existem vacinas com duas cepas de A e duas de B, mas só em clínicas privadas de vacinação. Estão sendo desenvolvidas vacinas que contemplam todas as cepas e que forneçam imunidade por mais tempo.

Leia mais

Um comentário em “Influenza: principais informações

  1. Por que muitas pessoas ao se vacinarem ficam resfriadas ou gripadas? Não teria risco tomar a vacina e ter esta reação vivendo esta pandemia em que estamos?

Os comentários estão fechados.

error: Conteúdo protegido!