5 opções de lanches saudáveis para as crianças

6 minutos para ler

A alimentação tem papel fundamental em todas as etapas da vida, especialmente nos primeiros anos, que são decisivos para o crescimento e desenvolvimento, para a formação de hábitos e para a manutenção da saúde.

Por isso, devemos investir em uma alimentação adequada desde a infância. Uma boa maneira de fazer isso é caprichar em opções de lanches saudáveis para os pequenos comerem na escola.

Então, quer conhecer algumas dicas de como preparar uma lancheira saudável para as crianças? Veja 5 alternativas saborosas e cheias de nutrientes, a seguir! 

Por que se preocupar com a alimentação na infância?

Desde os primeiros anos de vida, as crianças estão consumindo pouca variedade de alimentos saudáveis, como os in natura ou minimamente processados, e estão sendo expostas muito cedo aos ultraprocessados, que podem prejudicar a saúde. Assim, o desmame precoce, a alimentação de baixa qualidade e pouco variada ocasionam diferentes formas de má nutrição, prejudicando o desenvolvimento infantil.

São muitos os desafios a serem superados para garantir a prática de uma alimentação adequada e saudável no início da vida. Uma alimentaçãorica em vitaminas, minerais, fibras e nutrientes benéficos, desde a infância, faz com que essas pessoas cheguem muito mais saudáveis à vida adulta e previne, também, doenças que podem aparecer em outras fases da vida. Alguns exemplos são:

Além disso, uma boa alimentação promove benefícios importantes, como:

  • melhora da saúde intestinal;
  • mais energia para brincar;
  • desenvolvimento adequado para a idade;
  • mais foco, memória, atenção e capacidade de aprendizado.

Sendo assim, investir em lanches saudáveis é algo que só traz benefícios para os pequenos, a curto ou a longo prazo. Os preparos feitos em casa podem ser uma ótima opção para quem quer economizar e melhorar o tempo passado com as crianças. Falaremos mais sobre isso no decorrer do texto.

Quais as 5 melhores opções de lanches saudáveis?

5 opções de lanches saudáveis:

1. Sanduíche natural

Os sanduíches são bem versáteis e podem ser recheados com o que a criança preferir, sendo doces ou salgados. Algumas opções são: frango desfiado, ricota temperada com ervas, geleias sem adição de açúcar, pasta de amendoim integral, pasta de grão de bico, entre outros.

Lembrando que o ideal é que o pão utilizado seja integral, mas não há problema em usar os tradicionais, caso a criança não goste do outro. Uma alimentação saudável deve ser equilibrada e trazer prazer nas refeições!

2. Tapioca recheada

A tapioca é umaboa alternativa sem glúten (tipo de proteína presente em alguns cereais, como o trigo, que não pode ser ingerida por um grupo de pessoas), podendo ser recheada com os mesmos ingredientes que os sanduíches, até mesmo com ovo mexido.

3. Salada de frutas

Saladas de frutas são práticas, deliciosas e coloridas, tudo o que as crianças amam! A boa notícia é que você pode misturar diferentes tipos de alimentos, sempre respeitando as preferências do dono da lancheira. Uma boa alternativa é acrescentar aveia ou granola sem açúcar na preparação.

4. Chips saudáveis

Chips são adorados por boa parte das crianças — e por muitos adultos, também! Esse é o nome dado aos salgadinhos fininhos, fritos em óleo e, normalmente, feitos com batatas. No entanto, é possível prepará-los em casa de maneira muito mais saudável, livres de conservantes e sódio em excesso.

Alguns ingredientes que podem ser usados são a batata inglesa, a batata doce, a mandioquinha e, até mesmo, frutas, como a maçã e a banana. A vantagem de fazê-los em casa é a possibilidade de levá-los ao forno, em vez de praticar a imersão em óleo.

5. Cookies feitos em casa

Quem não gosta de um bom e velho cookie? No entanto, as opções vendidas no mercado são o extremo oposto de saudáveis. Por isso, uma boa pedida é fazê-los em casa, já que estamos falando de um preparo simples e que pode ser bem divertido.

A vantagem, aqui, é brincar com os sabores. Os cookies podem ser doces ou salgados, ter chocolate, coco, legumes, frutas e ingredientes de acordo com as preferências da criança. Adicione aveia e cereais para deixá-los mais completos e ajudar na saciedade na hora dos estudos.

Como fazer com que as crianças gostem desses alimentos?

O que chamamos de “paladar infantil” é, na verdade, a consequência de hábitos inadequados. Por isso, se a criança for habituada com alimentos saudáveis desde cedo, ela gostará dos seus sabores e texturas.

Caso ela rejeite alimentos tidos como saudáveis, é necessário ir aos poucos. O importante é testar o que ela gosta e introduzir as novidades gradativamente, para ir se acostumando aos novos sabores.

Algumas dicas para captar a atenção e estimular o interesse dos pequenos em ingredientes saudáveis são:

  • promova uma apresentação divertida dos pratos, com figuras e cores diversas;
  • apresente os alimentos de formas diferentes: crus, cozidos, fritos, assados e por aí vai;
  • traga a criança para a cozinha, fazendo com que ela participe do processo de preparação das refeições e se divirta com isso;
  • dê o exemplo, mostrando que uma alimentação saudável também faz parte da sua rotina.

Lembrando que é impossível gostar de tudo. Então, não force! O que importa é apreciar o maior número de coisas possível e ter uma alimentação balanceada e diversificada. Ou seja: se não gostar de determinada fruta, não tem problema. Há muitas outras opções que podem ser incluídas nas refeições.

Como podemos ver, a inserção de lanches saudáveis no dia a dia das crianças é algo que pode ser feito de forma gradual e natural, trazendo benefícios para a saúde dos pequenos. Então, que tal fazer essa mudança significativa na rotina dos seus filhos?

Aproveite e compartilhe a postagem em suas redes sociais! Assim, outros pais e responsáveis podem conferir essas ideias e incluí-las nas lancheiras dos seus respectivos filhos.

Posts relacionados